Terça-feira, 31 de Janeiro de 2006

Era algo, mas..

Tenho andado a pensar.


É estranho porque normalmente ou ando a pé ou de carro


Pensar é algo que penso por vezes em fazer, mas acabo por pensar que mais vale fazer e assim acabo por não pensar


Mas como sou receptivo a coisas novas, nem me estou a importar


Tudo isto é um pouco radical, e para alguns até poderia ser extremamente perigoso, mas para pessoas como eu, habituadas a fazer desportos radicais como o xadrez, é apenas mais um entretém e com muito pouco risco


Com isto tudo, acabei por me esquecer do que vos queria dizer do que tenho andado a pensar, mas prometo que da próxima vez que pensar em andar a pensar, vou pensar em me lembrar de vos contar o que pensei enquanto andava a pensar

publicado por 123de4 às 12:40
link do post | comentar | ver comentários (38) | favorito
|
Segunda-feira, 30 de Janeiro de 2006

A doença da Mariana IV

- Eu não tenho é já nada!


- Ohhh. Perdeste tudo?.. Ao jogo?...


- Qual jogo, qual carapuça! Tu estás a abusar é da sorte!


- Não digas isso, Mar.. Nem me saiu o Euromilhões..


- Só te digo é que parece que eu saí na rifa a ti! Que mal terei eu feito?


- Essa está boa.. Tu é que tens de saber o que andas a fazer..


- Cada vez sei menos, então contigo..


- Mas isso tem uma explicação..descontrai rapariga..Se sabes menos, é porque a tua memória já não é o que era, e te esqueces..


- A minha memória é e está muito boa!! Gostava era ter uma conversa normal contigo..


- Mas isso não seria normal, Mar.. Tu sabes que normalmente as nossas conversas normais não são normais..Não queiras agora tornar normal o que normalmente é anormal..


- Lá está tu a jogar com as palavras! Já te conheço e não me dás a volta assim!


- Está bem.. Dou a volta pelo outro lado..


- Não me dás é mais volta nenhuma! Nem assim nem de outra maneira! Vou desligar e estou é arrependida por te ter ligado para te dizer que venho doente do médico. Já nem devias lembrar disso!


- Agora fiquei confuso.. Não queres que me lembre, é?..


- Não quero??


- Sim.. disseste que eu não devia lembrar.. e eu até queria lembrar.. Posso lembrar ou não?..


( ela está mas é óptima, pensei eu enquanto a ouvia a gritar desesperada do outro lado )

publicado por 123de4 às 14:06
link do post | comentar | ver comentários (13) | favorito
|
Sábado, 28 de Janeiro de 2006

A doença da Mariana III

- Olha, Quatro..


- Para onde?..


- Para onde o quê?


- Disseste para olhar..


- Para mim chega!!


- Já posso deixar de olhar?..


- Olha para onde quiseres e deixa-me um pouco sossegada pois senão ainda tenho é de ir ao médico outra vez!!


- Porquê?.. Esqueceste-te de alguma coisa lá no consultório?..


( como faz falta a bolinha vermelha no meu Blog, pensava eu, enquanto a ouvia )


- Se continuas assim, não tarda, desligo-te o telefone na cara!


- Acho isso uma asneira.. Porque virias até aqui, só para desligares o meu telemóvel?.. Tu até já me ensinaste como era..


- Não consegui foi ensinar-te a teres juizo!!!


- Mar.. Só os tribunais é que têm juizos.. E eu não sou nenhum tribunal, né?


- Já não sei é o que tu és!


- Mar.. Calma.. Sossega.. Não te quero nesse estado...Desculpa-me! Se não sabes o que eu sou, pergunta-me.. que eu logo te digo..Não te quero aqui nervosa..Já sei.. o que tu tens é nervos..


( ruído de um telemovel a bater em algo que não consegui identificar )

publicado por 123de4 às 18:45
link do post | comentar | ver comentários (21) | favorito
|

A Doença da Mariana - Resumo

Como aconteceram muitas coisas desde a ultima transcrição da minha conversa com a Mar, desde a anunciada morte de um Blog mas que felizmente não ocorreu, quer o meu Blog ter sido destacado ( não..não vai para lado nenhum, tenham mais um pouco de paciência.. ), quer eu ter cumprido os objectivos mínimos para o meu patrocionador, quer termos um novo presidente e ter havido ainda uma enoooorme reunião no Rato, resolvi fazer um pequeno resumo


Aqui fica


Como começou tudo..Por telefone


- Quatro, tenho más notícias para te dar


( silêncio da minha parte, não fosse ter morrido o Pat, pois ele andava com ar de carneiro mal morto, apesar de ser um pato.. )


- Não queres saber o que se passa?


- Claro que sim, Mar, conta


 - Fui ao médico levar as análises e venho de lá muito aborrecida


- Por causa da conta que te apresentou? – perguntei eu, a tentar aligeirar a conversa


 - Parvo! Bem sabes que é o seguro que paga. Estou doente! Tenho uma data coisas que devia ter e não tenho!


..... ... ...


Onde ia a conversa...


... .... ...


- Quatro! Agora cala-te e ouve o que te tenho a dizer.


( silêncio )


- Quatro, estás a ouvir?


( silêncio)


- Sei que a chamada não caiu, porque não respondes???


- Mar.. Andas mesmo esquecida.. Não me mandaste calar?...Como querias que eu te respondesse?...


( dado não ter conseguido colocar uma bolinha vermelha neste post, não posso escrever tudo aquilo que ela me disse)


 


Em breve a continuação..

publicado por 123de4 às 18:34
link do post | comentar | ver comentários (9) | favorito
|
Quinta-feira, 26 de Janeiro de 2006

A Designação de quem é a culpa - IV e última parte

Caro Secretário,


Tendo nos sido atribuída a tarefa de identificar de quem era a culpa, em primeiro lugar pretendemos identificar o melhor possível a culpa em questão e não nos desviarmos do essencial


Esta nossa primeira análise levou inicialmente a um elevado do número de hipóteses, cerca de 622.0200, mas depois de um grande esforço conseguimos o nosso objectivo, e ficamos apenas por uma.


Estando esta identificada, procedemos ao segundo passo, a quem ela pertenceria


De forma a abreviar todo este processo tentámos usar os maiores modelos matemáticas informatizados para se prodeder a simulações, mas que não tiveram grande sucesso, dado a enorme variedade de de hipóteses possíveis entre as quais, poderia ser inclusivamente o nosso camarada Presidente


Como se pretendia agilizar todo este processo, recorremos a um prestador de serviços e a um detective que encaminhou de imediato a sua pesquisa para a nossa famíla socialista, mas com métodos pouco ortodoxos .


Tivemos ainda uma oferta de uma outra empresa para nos ajudar, garantindo resultados infaliveis com uma máxima culpa possivel, mas optamos por a não considerar dado se ter chegado a conclusão que poderia ser apenas música de comercial


Fomos eliminando sucessivamente as diversas hipóteses de quem seria a culpa, tendo conversado com diversas pessoas, como quem não queria a coisa..


Uma delas, inclusive, sugeriu que poderia ser o próprio camarada secretário-geral , mas de imediato nós protestamos e dissemos que sabíamos qual era o mal dele


Quando confrontada a Maya acerca deste assunto ela negou logo qualquer responsabilidade, sugerindo

[Error: Irreparable invalid markup ('<a [...] ?>') in entry. Owner must fix manually. Raw contents below.]

<P>Caro Secretário, </P>
<P>Tendo nos sido atribuída a tarefa de identificar de quem era a culpa, em primeiro lugar pretendemos identificar o melhor possível a culpa em questão e não nos desviarmos do essencial </P>
<P>Esta nossa primeira análise levou inicialmente a um elevado do <A href="http://pesquisa.sapo.pt/search/HP?enc=utf-8&amp;barra=resumo&amp;t=0&amp;q=culpa" target=_blank>número de hipóteses, cerca de 622.0200</A>, mas depois de um grande esforço conseguimos o nosso objectivo, e ficamos apenas por uma. </P>
<P>Estando esta <A href="http://priberam.sapo.pt/dlpo/definir_resultados.aspx" target=_blank>identificada</A>, procedemos ao segundo passo, a quem ela pertenceria </P>
<P>De forma a abreviar todo este processo tentámos usar os maiores modelos matemáticas informatizados para se prodeder a simulações, mas que não tiveram grande sucesso, dado a enorme variedade de <A href="http://pesquisa.sapo.pt/searchTop?barra=resumo&amp;chan=&amp;channel=&amp;t=0&amp;txtTexto=&amp;q=de+quem+%E9+a+culpa" target=_blank>de hipóteses possíveis</A> entre as quais, poderia ser inclusivamente o <A href="http://www.institutomvc.com.br/livros_videos_elearn/LivSrPresidente.htm" target=_blank>nosso camarada Presidente </A></P>
<P>Como se pretendia agilizar todo este processo, recorremos a um <A href="http://www.livrariacultura.com.br/scripts/cultura/resenha/resenha.asp?nitem=1139657&amp;sid=2102251458126612563763232&amp;k5=2FF714F2&amp;uid=" target=_blank>prestador de serviços </A>e a um detective que encaminhou de imediato a sua pesquisa para a nossa famíla socialista, <A href="http://www.livrosdobrasil.com/livro_detail.php?ART_ID=1226" target=_blank>mas com métodos pouco ortodoxos </A>. </P>
<P>Tivemos ainda uma oferta de uma outra empresa para nos ajudar, garantindo <A href="http://vagalume.uol.com.br/maxima-culpa/resultados-infaliveis.html" target=_blank>resultados infaliveis com uma máxima culpa possivel</A>, mas optamos por a não considerar dado se ter chegado a conclusão que poderia ser apenas música de comercial </P>
<P>Fomos eliminando sucessivamente as diversas hipóteses de quem seria a culpa, tendo conversado com diversas pessoas, como quem não queria a coisa.. </P>
<P>Uma delas, inclusive, sugeriu que poderia ser <A href="http://revistaepoca.globo.com/Epoca/0,6993,EPT1077896-1666,00.html" target=_blank>o próprio camarada secretário-geral </A>, mas de imediato nós protestamos e dissemos que sabíamos <A href="http://www.fnac.pt/produto.aspx?catalogo=dvdVhs&amp;categoria=dvdAventura&amp;produto=7321976150913" target=_blank>qual era o mal dele </A></P>
<P>Quando confrontada a Maya acerca deste assunto ela negou logo qualquer responsabilidade, sugerindo <A href="http://blogs.sapo.pt/inline_editor/target=_blank%20produto.aspx?catalogo='livros&amp;categoria=infantilJuvenilLiteraturaJuvenil&amp;produto=9789722333771" www.fnac.pt http: ?>uns outros culpados </A>que logo se verificou que não poderiam ser </P>
<P>O facto é que por estarmos altamente motivados, conseguimos encontrar num tempo que se considera extraordinário, duas hipóteses possíveis de quem é a culpa. Dado a extrema delicadeza do assunto, deixamos que o camarada secretário geral as analise e decida, entre <A href="http://www.psicomundo.com/libros/presentaciones/culpa.htm" target=_blank>uma </A>e <A href="http://www.livrariacultura.com.br/scripts/cultura/resenha/resenha.asp?nitem=325862&amp;sid=2102251458126612563763232&amp;k5=6A4ECEB&amp;uid=" target=_blank>outra </A></P>
<P> </P>
<P>Rato, 4 dias após o dia que não existiu</P>
<P> </P>
<P>Não continua ( eheheheh afinal sempre consegui aparecer mais uma vez... ) mais e acaba por aqui</P>
publicado por 123de4 às 22:12
link do post | comentar | ver comentários (31) | favorito
|

Rescaldo no Rato - À procura da culpa - III e penúltima parte ( ufff... )

Carrilho, em tom soluçante e esganiçado, dizia:


-Por apenas 6 décimas..por apenas 6 décimas.. até eu tinha dado alguns dos meus votos de Lisboa se soubesse que era por tão pouco, já que não me serviram para nada... Se a Bárbara tivesse aparecido ao pé da Maria de Jesus, tudo poderia ter sido diferente.. Mas a Maria não quis..podiam pensar que era a enfermeira do Mário..


Vitorino finalmente senta-se pois tem a percepção que o seu nome não será indicado para mais nada, embora já todos o julgassem sentado..


Edite continuava a tentar interpretar o que o Coelho lhe quis dizer


Fernando Gomes, concentrado a comer a sua francesinha, que trouxera do Porto, pois as boas francesinhas são do Porto, principalmente as feitas pela sua Gina, exclama:


- Carago que esta está bem picante!( picante foi metido a pedido )


E entornou metade do molho pelo chão. Todos olham para ele, mas depressa se esqueceram, pois a grande maioria nem gosta de francesinhas.Se fossem canadianas…pensou por breves momentos Sócrates, pois foi interrompido pela Roseta que não se conformava com o terem cortado o Alegre na noite das eleições


Ao ouvir isso, Edite levanta os olhos da folha onde tinha anotado a frase do Coelho, e de imediato olha com ar assustado para o Alegre, depois respira fundo, pensando que a Roseta era uma grande mentirosa, pois o Alegre estava ali e todo inteiro


Sócrates, finalmente, retirando finalmente as mãos de apoiar a cabeça, e com voz firme e em tom baixo, diz:


- Temos de reconhecer que isto não nos correu nada bem. Nem uma 2ª volta se conseguiu impor ao Cavaco. Embora não seja uma eleição partidária, o nosso partido não ficou bem na fotografia. Proponho que seja criada uma comissão para analisar os resultados, ver de onde fugiram os votos e quais as implicações de ter havido tantas candidaturas à esquerda. António Costa, tomas conta disso, poder ser? O Coelho nos intervalos que tem entre a preparação da Quadratura do Círculo, que te dê apoio, pois também pode discretamente ouvir o que o Pacheco Pereira e o Lobo Xavier dizem disto tudo, e é bom termos outras visões que não só a nossa. Vamos agora descansar pois todos nos empenhamos nesta candidatura do nosso fundador e esta campanha foi muito desgastante .. Para quem nela participou, é claro. Agradeço a todos a vossa presença


 E todos saem ainda com a derrota muito mal digerida…


( reentra na sala o Canas, que se apercebera que Almeida Santos tinha ficado sozinho a cantar baixinho ..Do choupal até à Lapa..)


 


Continua ( que se despede de todos e agradece as atenções prestadas principalmente por esta e esta ) na próxima e ultima parte que será já amanhã, pois a Mariana deve estar a gastar um dinheirão pois ainda não desligou a chamada…

publicado por 123de4 às 00:17
link do post | comentar | ver comentários (8) | favorito
|
Quarta-feira, 25 de Janeiro de 2006

O Rescaldo no Rato - À procura da culpa - Parte II

O Coelho, agora, em voz de lamento:


- A ida do Guterres para aquela história dos pobres.. Com tantos cá, e como presidente, também poderia fazer um bom trabalho…E sempre seria menos, pois nem dinheiro há para novo Rendimento Mínimo


Almeida Santos pára de cantar e fala, ficando todos a o ouvir com respeito:


- É verdade. Foi mau para o nosso partido que ele tivesse aceite o convite do Aman, apesar das provas que ele teve de prestar, mas é um orgulho para todos nós sabermos que ele anda pelo mundo a combater a miséria ao lado da Jolie. Reconheço que para mim foi uma surpresa ele ter sido o escolhido para tal missão, mas agora só nos temos de nos congratular por tal facto e não lhe imputar qualquer responsabilidade nesta derrota ..


Parecia que iria continuar, mas subitamente baixou a cabeça e começou de novo a cantar


Maria de Belém, que até então ninguém a tinha visto, sobe para uma cadeira e diz :


 - Zé! Tu é que arranjaste esta situação, pois o Alegre com o apoio do partido teria impedido do cavaco ganhar! Tu sabes bem isso!!


- Isso agora de nada adianta. Talvez tenha sido um erro estratégico, mas tu bem sabes como ele hesitou em avançar e eu não podia esperar mais, apesar de dizer o contrário, se bem te lembras.


Edite, absorta de toda aquela confusão, continuava a tentar interpretar o que o Coelho lhe quis dizer anteriormente


Coelho, agora com maior força, vira-se para Sócrates e diz:


- Também poderias ter participado mais!! Bem sei que és o primeiro, mas numa altura destas a quem isso interessa? Acabas por ser uma referência, mesmo fora do nosso partido. E sempre que aparecias de canadianas, no dia a seguir toda a gente falava nisso, até os tipos dos Blogs. Devias ter aparecido mais vezes!


Sócrates, com voz cansada, e ainda com os cotovelos sobre a mesa e as mãos a apoiar a cabeça, vira-se para Coelho e diz:


- O melhor é não falares muito, pois todos nós sabemos que a nossa máquina do partido não trabalhou bem.. Eu até de canadianas fui a comícios e muitos daqui com as pernas boas, se foram, mais parecia que se queriam esconder, portanto..


Houve finalmente um silêncio na sala, e ficaram a olhar uns para os outros como a ver quem seria o próximo a dizer algo


No silêncio ouve-se Almeida Santos, alheio a tudo, a cantar baixinho..


( continua na Parte III )

publicado por 123de4 às 00:57
link do post | comentar | ver comentários (19) | favorito
|
Terça-feira, 24 de Janeiro de 2006

O Rescaldo no Rato - À procura da culpa, acrecentei agora..:) I

No Rato, a algazarra era grande


Todos tinham a sua verdade para dizer e, como todos falavam alto, o tom subia e só os próprios se ouviam


Sócrates, sentado na cabeceira da enorme mesa, com a cabeça apoiada nas mãos, esperava pacientemente que tudo se acalmasse Estava com um rosto fechado.


- Eu bem vos dizia, eu bem vos dizia… A soma das partes vale menos que o todo! Não me quiseram ouvir e fui quase só eu quem chamou à atenção


- Tens razão, Coelho, disse Sócrates, mas reconhece que foi tarde que descobriste isso.. Já estavam todas as candidaturas em marcha e bem avançadas


Edite Estrela, diz:


-Ó Jorge, nunca cheguei a perceber como chegaste a essa conclusão, pois sempre se soube precisamente o contrário


- Tu percebes de português e pouco mais! Não reparaste que na política é tudo ao contrário? O que é na vida lá fora, aqui é ao contrário!


Edite ouviu-o e ficou a pensar se estaria correcta a frase dita pelo Coelho


Almeida Santos, estava sentado no seu canto, e parecia que dormitava.. No entanto, quem se aproximasse dele, ouvia-o a cantar baixinho.. “ Coimbra…tem mais encanto.. “


O Seguro, até aí calado, como se tivesse descoberto a pólvora, exclama:


- A culpa disto tudo é do Vitorino! Tivesse ele aceite ser o nosso candidato que hoje estaríamos aqui todos a comemorar a..


Vitorino ao ouvir o nome dele, fingiu que estava ao telefone com o seu gabinete de advogados


João não deixa acabar a frase e, indignado, grita:


- Não aceito agora que venham culpar o meu pai da derrota. Só por causa das vossas indecisões todas e incapacidade de escolherem um candidato, é que o meu pai se sujeitou a perder umas sestas que nunca mais irá recuperar.. Se ainda fosse eleito..


Sócrates teve de intervir numa voz extramamente calma:


- Tenham calma, por favor. Agora já nada se pode fazer, não vamos abrir mais feridas. João.. sabes bem como estamos agradecidos ao teu pai o sacríficio que fez pelo nosso partido


( continua )

publicado por 123de4 às 01:56
link do post | comentar | ver comentários (39) | favorito
|
Domingo, 22 de Janeiro de 2006

Resultados de sondagem feita à boca das urnas

Por mero, mas mesmo mero acaso, acabo de ter acesso a umas sondagens feitas à boca das urnas

Não resisto em as publicar, mesmo sabendo que ainda não está na hora oficial

Mas os meus 12 leitores habituais ( subiu um pouco o número) merecem as obter em 1ª mão, e decerto que não me irão denunciar, dado eu apenas as apresentar para o interesse vosso, pois eu já as conheço

Se puderem ler a continuação deste post depois das 19,30 agradecia, pois em caso de multa ela será menor..
Se não resistirem de o ler até ao fim, era bom que declarassem que o leram na totalidade , por vossa e única responsabilidade, apesar do meu alerta

Tenho alguma admiração pelos resultados das sondagens à boca das urnas

Muito raramente falham e os intervalos que apresentam são normalmente certos

Claro que há as que falham, mas penso que essas existam precisamente para serem a excepção que confirma a regra

Gosto de ouvir as análises que fazem, quem mudou de quem para quem, porque mudaram

Tudo muito estranho para mim..


Eis os resultados da sondagem à boca das urnas:

Tártaro – 18%
Gengivite – 7%
Cáries – 34%
Mau hálito – 30%
Bom estado – 11%
publicado por 123de4 às 19:12
link do post | comentar | ver comentários (18) | favorito
|
Sexta-feira, 20 de Janeiro de 2006

Destaque ao destaque que o Destaque do SAPO me fez..( deve estar bem, este raciocínio.. )

Este mundo é cheio de surpresas!


Ainda a semana passada andava eu atrapalhado com falta de visitas ao meu Blog, em risco de não ter patrocínio e ter a minha vida em risco, inclusivamente


Depois o Vizinho resolveu indicar-me no seu Blog , a situação melhorou e consegui o patrocínio e mais algum tempo de vida


Agora o SAPO resolveu me destacar...


Vê-se logo que isto tudo se passa em Portugal, pois tudo foi feito ao contrário.. 1ª o Vizinho falava em mim, depois o SAPO fazia referência ao Blog e depois sim, teria conseguido um bom patrocínio..


Isto porque ontem o meu blog era o destaque do dia, do dia 19.01.06


O Marius e a MWoman chamaram-me à atenção, e por isso fui lá ver


Lá estava: dois Blogs em destaque e o meu do lado esquerdo


Olhei, e pensei cá para comigo:


Olha, até que nem está muito mal, podia estar em letras maiores....


Talvez no centro da página, mas enfim..


Aquela publicidade que aparece ao lado das 10 Últimas actualizações também também não me parece muito bem colocada. Podia ao menos estar fixa.. Aquilo em flash acaba sempre por distrair um pouco as pessoas..


Afinal quem estava em Destaque?..O 123de4 ou os anúncios?.. Não vi escrito Destaque sobre os tais anúncios.. Pois é.. o nome do meu Blog ficava bem era em Flash...


Ou era o destaque do dia ou não era! Meias tintas não gosto nada..( prefiro meias pretas)


Mas como ninguém é perfeito, fui condescendente ( afinal era a 1ª vez que o meu Blog estava em destaque, pode ser que a próxima, já eles organizem a página melhor, pensei eu ) e nada escrevi acerca do destaque


Mas hoje apetece-me destacar o destaque com que o Sapo me destacou..


Tudo isto porque o Blog que estava referido ao meu lado direito, o Blog do reporter 007 tinha desaparecido, e o meu Blog está agora do lado direito!


 Eu que até já estava habituado ao reporter..Tenho agora de levar com as presidênciais ao meu lado..


E fica aqui feito o destaque ao destaque que o Destaque do Sapo me fez... Primeiro e último certamente...

publicado por 123de4 às 15:24
link do post | comentar | ver comentários (46) | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Setembro 2012

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.posts recentes

. Hoje passei

. Ena que sensação...

. As voltas que a vida dá.....

. REABERTURA EM BREVE

. ...

. No Shopping

. Barcelona

. Evolução

. Sosufnoc

. As emoções de uma primeir...

.arquivos

. Setembro 2012

. Outubro 2009

. Maio 2007

. Agosto 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Outubro 2005

. Julho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

.tags

. todas as tags

.música

.fazer olhinhos

.links

.Estatisticas